Santo André foi um dos comandantes do exército de Galerius, enviado por Diocleciano contra os persas. Durante uma batalha, André invocou o nome de Cristo, pois tinha ouvido dizer que era um poderoso protetor, exortando também a seus homens para que fizessem mesmo. O pelotão de André triunfou e a vitória foi atribuída à invocação do nome de Cristo.  Depois disso, o capitão e alguns dos seus homens tomaram a decisão de se tornarem cristãos, pelo que foram denunciados a Antíoco, seu chefe imediato. Não sabendo que medida tomar, nesse caso, Antíoco escreveu a Galerius que, relutante em desmoralizar os seus homens com a execução de vários de seus valentes soldados um dia após a vitória, ordenou a Antíoco que dispensasse os cristãos e aguardasse por uma oportunidade melhor para castigá-los. André e seus companheiros foram então para Cesaréia, na Capadócia, onde foram batizados pelo bispo Pedro. Seleuco, o governador militar da Cilícia, determinou que os neófitos fossem levado para a prisão. Sabendo que estavam sendo procurados pelos soldados, eles fugiram então para as montanhas de Taurus, mas foram encontrados e executados ali mesmo.

Tradução e publicação neste site
com permissão de Ortodoxia.org
Trad.: Pe. André

LEITURAS DO DIA: Ep.: 2Cor 3,4-11| Ev.: Mt 23,29-39 | Tom da semana: 2º

OUTRAS COMEMORAÇÕES DO DIA: Quinto dia da festa; S. Bartolomeu de Semeri  († 1130); S. Eutiquiano, mártir; Ss. Timóteo, Agápio e Tecla, mártires.

 

Tags:

 

No comments

Be the first one to leave a comment.

Post a Comment


 
 
 

Pesquisar neste site

Web manager