Nos tempos do martírio de São Demétrio, vivia em Constantinopla um jovem de nome Nestor, que aderiu à fé cristã através dos ensinamentos de São Demétrio. Naquela época, o imperador Maximiano, inimigo de Cristo, ordenou que se promovessem vários jogos e entretenimento para o povo. O favoritos do imperador era uma vândalo de nome Liaeo um vândalo, um homem de tamanho e força comparável à Golias. Como gladiador imperial, Liaeo desafiava para duelo todo o tipo de homem, e a todos os que o enfrentaram ele os matava, e seus massacres deleitavam o imperador idólatra em sua sede de sangue. Este construiu um estádio especial, semelhante a uma plataforma sobre colunas para os duelos de Liaeo. Sob esta plataforma, haviam lanças com pontas agudas e afiadas apontando para cima. Quando Liaeo vencia alguém num duelo, atirava sua vítima em direção à floresta de lanças. Os pagãos que ficavam parados em torno das lanças junto ao seu imperador deleitavam-se quando algum pobre desditado se contorcia sobre as lanças até a morte. Entre as vítimas inocentes de Liaeo contava-se um grande número de cristãos, pois quando ninguém se apresentava voluntariamente para duelar com Liaeo, os cristãos eram forçados pelo imperador a lutar com ele.

Presenciando este aterrorizante deleite do mundo pagão, o coração de Nestor se encheu de dor e decidiu ir ele mesmo ao estádio do terrível Liaeo. Antes, porém, foi à prisão onde São Demétrio encontrava-se preso, e pediu a sua bênção para fazer isso. São Demétrio o abençoou, fazendo o sinal da cruz sobre sua testa e peito, e disse: «Irás vencê-lo, mas sofrerás por Cristo». O jovem Nestor dirigiu-se então ao estádio Liaeo. O imperador estava lá com uma grande multidão, e todos lamentavam a morte iminente do jovem Nestor. Tentaram convencê-lo a não lutar com Liaeo, mas Nestor fez o sinal da cruz e disse: «Grande és Tu, ó Deus de Demétrio, ajuda-me!» E com a ajuda de Deus, Nestor abateu Liaeo, jogando depois o pesado gigante sobre as pontas afiadas das lanças, onde o gladiador encontrou sua morte. Então todo o povo exclamou: «Grande é o Deus de Demétrio!» Mas o impiedoso imperador que havia tinha sido envergonhado diante do povo e, lamentando a morte de seu favorito, encheu-se de furor contra Demétrio e Nestor e ordenou que Nestor fosse decapitado pela espada e que Demétrio fosse atravessado com lanças. Assim que Nestor, este glorioso herói cristão, deixando para trás sua jovem vida sobre esta Terra, entrou para o Reino de seu Senhor em 306 d C.

Tradução e publicação neste site
com permissão de
Ortodoxia.org
Trad.: Pe. André

 

Tags:

 

No comments

Be the first one to leave a comment.

Post a Comment


 
 
 

Pesquisar neste site

Web manager